Início Ásia Tutorial: Visto de Trânsito gratuito de 24h à 144h para China

Tutorial: Visto de Trânsito gratuito de 24h à 144h para China

Foto por Pixelbay

Nossa viagem para a China surgiu assim que fomos comprar a nossa passagem para a Tailândia. A companhia mais barata no momento era a AirChina que dava direito à stopover gratuito em Pequim.

Para conseguir esse stopover bastava pesquisar na opção “Múltiplos destinos” colocando uma parada em Pequim no caminho para Bangkok.

Assim que compramos a passagem surgiu uma dúvida: Brasileiros precisam de visto para entrar na China? Sim, precisa, se o destino final for a China ou se a estadia durar mais de 144h.

Ao pesquisar sobre o assunto descobrimos sobre o visto de trânsito que é aplicado justamente para stopover, onde você pode fazer uma parada de 24 horas à 144 horas (até 6 dias). No nosso caso seriam apenas 3 dias (72 horas).

Encontramos muitas informações na internet sobre a possibilidade desse visto, mas quase nada sobre o procedimento operacional no aeroporto para consegui-lo.

O aeroporto de Pequim é muito grande, confuso e com muita gente que tem dificuldade em dar orientações em inglês, então vou escrever um passo a passo para te ajudar a tirar o visto de transito quando chegar no aeroporto.

Quais países tem direito à esse visto?

São 53 países os quais os cidadãos podem ter a isenção de visto para trânsito por 144 horas, conforme informações do site da AirChina:

  • 24 países do Espaço Schengen na Europa: Áustria, Bélgica, República Tcheca, Dinamarca, Estônia, Finlândia, França, Alemanha, Grécia, Hungria, Islândia, Itália, Letônia, Lituânia, Luxemburgo, Malta, Países Baixos, Polônia, Portugal, Eslováquia, Eslovênia, Espanha, Suécia e Suíça.
  • 15 outros países da Europa: Rússia, Grã-Bretanha, Irlanda, Chipre, Bulgária, Romênia, Ucrânia, Sérvia, Croácia, Bósnia, Montenegro, Macedônia, Albânia e Mônaco e Belarus.
  • 6 países das Américas: Estados Unidos, Canadá, Brasil, México, Argentina e Chile.
  • 2 países da Oceania: Austrália e Nova Zelândia
  • 6 países da Ásia: República da Coreia, Japão, Cingapura, Brunei, Emirados Árabes Unidos e Catar.

Foto por Pixelbay

Informações sobre o Visto 144h

Esse visto pode ser utilizado por quem chega através dos seguintes aeroportos:

  • PEK – Aeroporto Internacional de Pequim – Capital
  • TSN – Aeroporto Internacional de Tianjin Binhai
  • SJW – Aeroporto Internacional de Shijiazhuang Zhengding
  • SHA – Aeroporto Internacional de Hongqiao
  • PVG – Aeroporto Internacional de Pudong
  • HGH – Aeroporto Internacional de Hangzhou Xiaoshan
  • NKG – Aeroporto Internacional de Nanjing Lukou

Para fazer a solicitar é necessário ter passaporte válido e passagens (de avião, trem ou navio) com data de viagem e assento confirmados para outro país (ou regiões especiais da China : como Hong Kong, Macau, Taiwan).

Não vale se você estiver indo somente para a China, precisa ser um stopover. No nosso caso a passagem era São Paulo – Pequim – Bangkok. Tivemos que mostrar a passagem comprovando que estávamos na China em stopover e que o destino final era Bangkok.

Além dos aeroportos listados, a política de trânsito livre sem visto de 144 horas também está disponível em estações de trem e portos, incluindo a Estação Ferroviária Oeste de Pequim, o Porto de Dongjiang, o Porto de Qinhuangdao, o Terminal de Cruzeiros Internacionais do Porto de Xangai, o Terminal de Cruzeiros Internacionais de Xangai Wusongkou e a Estação de Trem de Xangai.

Passo a passo para o visto de trânsito no aeroporto de Pequim

  1. A primeira fila que você vai avistar quando entrar no aeroporto é a da imigração, mas você não vai entrar nela agora. Procure orientações e placas para “24/144 hour international transfer (apply to leaving airport)”, ele fica depois dessa fila da imigração.
    .
  2. Na fila do visto de transito vão te dar um formulário para preencher com os seus dados pessoais, hotel que você vai ficar, período de estadia. Precisa preencher tudo, inclusive telefone do hotel, eles conferem tudo
    .
  3. A fila do visto quando fomos estava enorme e tinham poucos funcionários atendendo, tem que ter paciência. Quando tudo der certo, agora sim você volta para a fila normal da imigração, na fila de estrangeiros, com o adesivo do visto para poder fazer a entrada no país.
    .
  4. Terminada essa etapa você pega um metro que tem dentro do aeroporto que vai para o terminal T3-C, onde se você tiver despachado mala vai conseguir pega-la e também é a saída.
    .
  5. Aproveite que perto das esteiras das malas tem algumas casas de câmbio (exchange), trocamos toda a moeda local para os dias que ficaríamos na China no aeroporto, para otimizar o tempo.
    .
  6. Procure a saída B1 para pegar um táxi. Tem o táxi oficial no balcão (bem mais caro), mas você pode tentar a sorte saindo e pegando um aleatório (mais barato). Foi o que fizemos e deu certo. Mostramos um papel do Booking em chinês com o endereço do hotel.
    .

Sabendo exatamente os lugares que você precisa ir vai te economizar bastante tempo e evitar stress. Porque com a dificuldade nas informações algumas pessoas que estavam no nosso voo acabaram pegando filas erradas, o que aumenta ainda mais o tempo para conseguir o visto.

Fazendo todo esse procedimento todo demoramos aproximadamente 2 horas para conseguir sair do aeroporto, então vá sem pressa, inclua no seu roteiro tempo suficiente para os tramites burocráticos antes de qualquer tour.


Dúvidas sobre a China? Grupo no Facebook!

Como esse post esta sendo bem acessado e muitas pessoas comentam ou mandam emails com dúvidas, criei um grupo no Facebook para que todos possam se ajudar com dicas, dúvidas e recomendações, acesse nesse link.


Salve esse post no Pinterest:

Juliana Almeida Rioshttps://junypelomundo.com.br/
Viajante, Administradora, Aspirante à Mochileira, Sonhadora, Bookaholic. Adora planejar uma viagem, seja para a cidade vizinha ou para o outro lado do mundo. Ama conhecer novas culturas e contar as suas aventuras. E prefere ser chamada de Juny.

4 COMENTÁRIOS

  1. Bom dia Juliana. Estou de viagem marcada em Janeiro e o meu roteiro é o seguinte Rio – NY – LA – Shanghai- Kuala Lumpur – Singapura – Manila – Shangai – LA – MIA – Rio . Vou ficar 4 dias na ida em Shangai e 2 dias na volta.
    Comprei a passagem Rio/NY/LA/Shangai/LA/MIA/Rio com a American Airlines e o demais trechos com outras companhias. Estou na dúvida se tenho que tirar o visto da China, ou se o visto temporário de 144 horas funcionária para meu roteiro. Poderia me ajudar?

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Siga nas Redes Sociais

7,436FãsCurtir
10,058SeguidoresSeguir
22,880SeguidoresSeguir
939SeguidoresSeguir